Sebrae Acesse o Portal Sebrae
Você está na ASN

Agência Sebrae de Notícias

 Foto: Darío G. Neto/ASN BA
ASN BA 05/08/22 às 08:30
Compartilhe

Circuito Conexões Náuticas apresenta ações para Salvador e Região Metropolitana

Por Carlos Baumgarten
ASN BA 05/08/22 às 08:30
Compartilhe

Encontro foi realizado no Museu Aleixo Belov, no bairro de Santo Antônio Além do Carmo, na capital baiana

Gestores de equipamentos e prestadores de serviços náuticos em Salvador e Região Metropolitana puderam conhecer algumas das ações em desenvolvimento a partir de uma parceria entre Sebrae e Secretaria de Turismo do Estado da Bahia para o desenvolvimento do setor. O Circuito Conexões Náuticas chegou à capital baiana no final da tarde de quinta-feira (5), com um encontro realizado no Museu Aleixo Belov, no bairro de Santo Antônio Além do Carmo.

O Projeto de Desenvolvimento da Economia Náutica, focado no fortalecimento da cadeia náutica, já realizou o mapeamento das infraestruturas náuticas e dos pequenos negócios que giram no entorno, o estudo do panorama econômico estadual do setor e a estruturação de 10 matrizes de oportunidades de negócio nos territórios selecionados como prioritários para atuação local, que são: Salvador, Caravelas, Alcobaça, Porto Seguro, Cabrália, Ilhéus, Canavieiras, Cairu e Camamu.

O consultor José Raimundo Zacarias foi o responsável por apresentar o panorama sobre o que foi estudado até o momento. Ele ressaltou a necessidade do investimento para estruturação e legalização de marinas ao longo da costa baiana, e destacou o potencial do setor que, em todo o Brasil, registrou crescimento de 20% entre os anos de 2019 e 2022.

Após a apresentação, foi realizado um talk show, com as presenças do secretário de Turismo do Estado da Bahia, Maurício Bacelar, da secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda, Mila Paes, e da secretária municipal de Cultura e Turismo, Andrea Mendonça. O bate-papo foi mediado pelo gerente da Unidade de Projetos Especiais, Mercado e Internacionalização do Sebrae Bahia, Vitor Lopes.

O secretário Maurício Bacelar reforçou o potencial da Bahia para a economia náutica, destacando os 1.100 km de costa para a atuação da cadeia produtiva. Ele ressaltou a importância da parceria com o Sebrae, sobretudo para a capacitação e orientação dos empreendedores que atuam no entorno. “Vamos trabalhar pelo desenvolvimento do setor, sempre com o foco na geração de emprego e renda”, pontou.

Já Mila Paes falou de algumas ações, como a criação do SAC Náutico, que tem o objetivo de ajudar o navegante que chega à capital. Ela afirmou também ser fundamental a busca pela diversificação da matriz econômica de Salvador. “Sem dúvidas, o setor náutico entra nessa estratégia da Prefeitura, dentro de um contexto maior, que busca também a melhoria do ambiente de negócios em nossa cidade”.

Andreia Mendonça, que também preside o Comitê Náutico, apresentou o Plano de Desenvolvimento Econômico para o setor, que inclui uma série de ações focadas em investimentos em infraestruturas, sobretudo no que diz respeito a legalização de marinas existentes. “Além disso, vamos planejar a criação de uma via náutica em Salvador e a busca pela captação de eventos do setor para a capital”.

O gerente do Sebrae Bahia, Vitor Lopes, destacou o papel da instituição, que também integra o Comitê Náutico, no sentido de trabalhar toda a cadeia produtiva do setor náutico. “Sabemos da importância dessa iniciativa, sobretudo para os pequenos negócios, foco da atuação do Sebrae. O setor náutico tem um grande potencial que pode ser muito bem explorado para gerar resultados positivos para a nossa economia”, concluiu.

Compartilhe
Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Entre em contato pelo [email protected] ou fale com a ASN em cada UF

Notícias relacionadas