Sebrae Acesse o Portal Sebrae
Você está na ASN

Agência Sebrae de Notícias

 Foto: Darío G. Neto/ASNBa
ASN BA 22/07/22 às 10:09 Atualização 25/07/22 às 15:46
Compartilhe

Especialistas debatem uso de tráfego pago para alavancar resultados nos negócios

Por Carlos Baumgarten
ASN BA 22/07/22 às 10:09 Atualização 25/07/22 às 15:46
Compartilhe

Mega talk show abordou o tema na última noite da Semana Sebrae de Capacitação Empresarial

 

Tráfego pago ou orgânico? A dúvida dos empreendedores que estão dando os primeiros passos para alavancar as vendas por meio das redes sociais foi respondida durante um mega talk show com especialistas, realizado na quinta-feira (21), na última noite da Semana Sebrae de Capacitação Empresarial. O evento gratuito, que aconteceu na sede do Sebrae Bahia, em Salvador, teve transmissão online, e contou também com presença de público convidado no local.

O encontro reuniu os especialistas no tema, Rapha Falcão e Carol Victória, e teve a participação da empresária baiana Ana Telles, que tem obtido resultados expressivos nos negócios por meio de estratégias para as redes sociais. A mediação do talk show foi feita pela analista do Sebrae Bahia, Taiane Jambeiro.

E a resposta para quem tem dúvidas sobre investir ou não em tráfego pago foi direta e objetiva. Os três convidados da noite foram unanimes ao reforçar a importância desse investimento para alcançar bons resultados nas redes sociais, mas fizeram observações quanto às estratégias adotadas para que a ação se converta em venda.

Foto: Darío G. Neto/ASNBa – Última noite da Semana Sebrae teve transmissão online, mas também contou com presença de público no local

Carol Victória, que é especialista em gestão de mídia para e-Commerce e criadora do método E-Commerce Estratégico, ponderou que, apesar da necessidade de investimento em tráfego pago, é preciso também elaborar conteúdos pertinentes para o tráfego orgânico. “Não tem como os empreendedores trabalharem apenas com tráfego pago. Mas também não se consegue bons resultados mantendo apenas o orgânico”, ressaltou.

Já o professor e especialista em marketing, Rapha Falcão, trouxe alguns exemplos práticos de uso de ferramentas que podem auxiliar os donos de pequenos negócios a utilizar o tráfego pago. Uma delas é o FacebookAds. “A ferramenta possibilita que você segmente ainda mais seu público-alvo. Mas é fundamental lembrar que é preciso experimentar e avaliar sempre os resultados até encontrar os melhores resultados. É preciso que o engajamento se converta em vendas”, afirmou.

A empresária Anna Telles, que atua no segmento de beleza e estética e é especialista em cachos naturais e orgânicos, compartilhou sua experiência nas redes sociais. Ela, que também é criadora de conteúdo digital, lembrou que, sem o investimento em tráfego pago, é preciso esperar que o cliente vá até o empreendimento. “Quando investimos em tráfego pago, nós vamos até o cliente”, apontou.

Os especialistas explicaram também diferenças fundamentais entre o uso das plataformas Facebook e Google Ads. “O Facebook Ads é direcionado para o público-alvo do seu negócio conhecer seu produto ou serviço e criar o desejo de adquiri-lo. Já o Google Ads é mais apropriado para os consumidores que já têm um objetivo de compra definido”, explicou Carol Victória.

Marketing de influência

Outro assunto abordado na noite de quinta-feira foi o chamado marketing de influência. Rapha Falcão lembrou que o conceito não é recente. “O marketing de influência existe desde a década de 1930, quando a Adidas forneceu um tênis a um corredor norte-americano para ser usado em uma competição. A diferença é que, hoje, os influenciadores estão nas redes sociais”.

Anna Telles aconselhou que os donos de pequenos negócios busquem investir na produção de conteúdos especializados vinculados a seus produtos e serviços, que levem soluções aos clientes. “Dessa forma, criamos autoridade e nos tornamos influenciadores de nosso próprio negócio, afinal ninguém conhece melhor o nosso produto ou serviço do que nós mesmos”, pontuou.

Semana Sebrae

A Semana Sebrae de Capacitação foi realizada em formato online entre os dias 19 e 21 de julho. Além do tema abordado na última noite, os mega talk shows trouxeram dicas sobre estratégias e ferramentas para alavancar vendas nas redes, com as especialistas Maraisa Matos, Joana Cardozo, a empresária Iasmine Fernandes, e também um bate-papo sobre como usar a criatividade para atrair atenção dos clientes no digital, com os especialistas Antônio Netto, da empresária Eugênia Santos (Negga Chic), e Alice Vargas, analista da Unidade Marketing e Comunicação do Sebrae Bahia.

Houve ainda programação presencial em municípios abrangidos pelas unidades regionais do Sebrae em Barreiras, Feira de Santana e Santo Antônio de Jesus.

Compartilhe
Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Entre em contato pelo [email protected] ou fale com a ASN em cada UF

Notícias relacionadas